Blog de Criação de Roteiros
Publicado em por Courtney Meznarich

Principais tipos de ficção

Principais tipos de ficção

Nossa missão na SoCreate é tornar a contação de histórias uma atividade que todos possam desfrutar. Desde as ideias dos mais jovens até os criadores mais estabelecidos, queremos que os escritores se sintam capacitados a escrever as histórias mais diversas, únicas e emocionantes de todos os tempos.

Reserve seu lugar na fila!

Obtenha acesso antecipado ao Software de Roteiro SoCreate. O cadastro é GRÁTIS!

Mas, às vezes, as restrições nos tornam mais criativos. E é por isso que hoje vou relacionar todos os tipos de ficção dentro do reino das possibilidades — pelo menos, aqueles que já foram produzidos antes. Embora muito poucas histórias se encaixem perfeitamente nessas características, a maioria das histórias de ficção apresenta elementos dos gêneros abaixo. Quem sabe, talvez você sonhe com algo novo!

O que é ficção?

Ficção é uma história contada por um ou mais personagens inventados sobre eventos que ainda não aconteceram. Ela pode ser baseada na vida real, em uma pessoa real, em lugares reais, coisas reais, etc., mas é imaginada como já tendo ocorrido. Os personagens podem ser fictícios ou personagens históricos atuando em cenários fictícios. O objetivo principal da ficção é o entretenimento; no entanto, existem outros propósitos, como educação, persuasão e inspiração. Na verdade, alguns autores usam seus trabalhos para fins educacionais e de entretenimento. Existem muitos gêneros de ficção.

O que é gênero?

Gêneros são categorias nas quais as obras de literatura se inserem. Eles ajudam os leitores a entender que tipo de livro estão lendo e que estilo de escrita esperar, sem se perder nos detalhes. Por exemplo, se você estivesse procurando um romance, um gênero indicaria imediatamente se o romance que você escolheu é histórico, contemporâneo, ficção científica, fantasia, mistério, suspense, terror, comédia, drama, romance, poesia, manga, anime ou outro tipo. Claro, existem muitos meios pelos quais se pode contar uma história. Os gêneros abaixo podem ser aplicados a histórias em quadrinhos, filmes, programas de televisão, séries da web, uma variedade de livros, podcasts e muito mais.

Um gênero também descreve o estilo em que a história é escrita, fornece expectativas para o leitor ou comprador e providencia ao escritor um foco geral de sua história antes mesmo dele começar a escrevê-la. 

Principais tipos de ficção

Quais são os principais tipos de ficção? Se você começar de forma bem genérica, quase toda a literatura tradicional se enquadra em duas categorias:

Ficção comercial

A ficção comercial apresenta uma história com enredo simples, geralmente ambientado nos tempos modernos, muitas vezes apresentando ação e aventura, ficção científica, crime, suspense, faroestes, guerra, realismo mágico, sátira, humor, romance ou temas sobrenaturais. A ficção comercial tem amplo apelo para uma variedade de públicos e geralmente se destina ao entretenimento, e não à arte, e a maioria das histórias é fortemente orientada para o enredo. Os exemplos incluem thrillers como romances de James Bond, mistérios como a série Poirot de Agatha Christie, romances como os livros de Danielle Steel e thrillers de John Grisham. 

Ficção literária

A ficção literária é definida por sua qualidade literária, e não pelo sucesso comercial. A ficção literária explora questões mais profundas por meio do desenvolvimento do personagem, tema, simbolismo, metáfora, alegoria, ironia e ambiguidade. Esse tipo de ficção é normalmente considerado intelectual porque requer um nível maior de envolvimento intelectual do público.

Entre esses tipos de histórias, a ficção mainstream descreve enredos que envolvem aquilo com o qual a maioria das pessoas lida diariamente e que apresentam uma realidade familiar ao público em geral.

5 principais tipos de gêneros de ficção

Existem cinco gêneros gerais de ficção na escrita criativa e na contação de histórias, incluindo:

  • Mistério

  • Suspense

  • Ficção científica

  • Romance

  • Fantasia

Porém, entre essas categorias abrangentes, existem dezenas de subgêneros populares.

Todos os tipos de gêneros de ficção

Veja abaixo uma lista de alguns dos gêneros de ficção mais populares da atualidade, mas essa lista não é exaustiva. Como mencionei no início deste artigo, os escritores contornam as regras de gênero o tempo todo, e você não deve ser diferente! Não tenha medo de misturar as coisas. Porém, se você está procurando fórmulas testadas e comprovadas, esta lista de gêneros tem tudo de que precisa:

Mistério

O gênero de mistério inclui mistério geral, mistério noir, mistério histórico, procedimento policial e mistério paranormal.

Suspense

O gênero de suspense inclui suspense sobrenatural, suspense histórico, suspense ambiental, suspense médico, suspense jurídico, suspense político, suspense militar e histórias de espionagem.

Ficção científica

As histórias de ficção científica ocorrem no futuro ou no passado, mas quase sempre em uma dimensão diferente da do presente. Elas apresentam novas realidades e universos imaginários, e o cenário é fundamental. A alta tecnologia também é destaque na história. A ópera espacial, a ficção científica romântica, a ficção científica militar, a história alternativa, as histórias distópicas e utópicas e o steampunk são todos considerados um subgênero da ficção científica.

Romance

O romance segue a relação romântica entre pelo menos duas pessoas marcada pela tensão e desejo. O gênero romance inclui romance paranormal, romance contemporâneo, romance histórico, romance ocidental, romance gótico, romance regencial e suspense romântico.

Fantasia

As histórias de fantasia são centradas em reinos míticos e magia. O gênero de ficção de fantasia inclui fantasia contemporânea, fantasia tradicional, terror, ficção estranha, fantasia épica, fantasia histórica, fantasia sombria, fantasia urbana e fantasia cômica.

Ação e aventura

O gênero ação-aventura coloca o personagem principal em vários tipos de perigo físico. É um gênero em ritmo acelerado, e o clímax deve oferecer ao espectador ou leitor algum alívio.

Ficção especulativa

A ficção especulativa apresenta mundos que se sobrepõem ao nosso, mas são diferentes em aspectos essenciais e apresentam cenários do tipo "e se".

Suspense e thriller

As histórias de suspense e thriller geralmente são cheias de suspense, com a vida de um ou mais personagens em perigo. Os personagens são frequentemente perseguidos e escapam por pouco em cenários emocionantes.

Jovem adulto

O gênero de ficção para jovens adultos, frequentemente abreviado como YA, é voltado para adolescentes entre 12 e 18 anos. A maioria das histórias de YA apresenta contos de amadurecimento, muitas vezes com uma sobreposição de ficção científica ou fantasia.

Novo adulto

A ficção para novos adultos é voltada para adultos em idade universitária e geralmente explora histórias sobre pessoas se aventurando por conta própria pela primeira vez.

Terror e paranormal

O gênero de terror, paranormal e história de fantasmas tem o objetivo de assustar os leitores e o público ao interpretar medos comuns. O personagem principal geralmente deve superar uma ameaça sobrenatural, e a história apresenta elementos sobrenaturais.

Mistério e crime

As histórias de mistério e crime enfocam uma questão central ou crime que deve ser resolvido ou uma questão que deve ser respondida sobre eventos misteriosos. Ao longo da história, o leitor ou espectador e os personagens terão acesso a pistas para ajudá-los a encontrar uma solução no final.

Procedimentos policiais

Em uma ficção de procedimento policial, o elemento comum é um policial ou detetive que se propõe a solucionar um crime. A coleta de evidências, a pesquisa forense e o drama jurídico são abundantes.

Histórico

A ficção histórica apresenta uma história fictícia no pano de fundo de um evento histórico real ou cenário histórico. E também pode apresentar figuras históricas reais.

Faroeste

Uma história de gênero faroeste se passa no antigo período do oeste americano, com muita aventura, cowboys e povos da fronteira. Há também o faroeste espaguete, faroeste asiático, faroeste espacial e outras verões do faroeste americano.

Saga familiar

O drama da saga familiar geralmente segue várias gerações de membros de uma família que lidam com aspectos como negócios familiares, maldições familiares e aventuras familiares. Essas histórias geralmente seguem uma linha do tempo e se resolvem no presente.

Ficção feminina

As tramas do gênero de ficção feminina se concentram nos desafios e crises que as mulheres enfrentam na vida real, incluindo relacionamentos, trabalho, família, política e religião.

Realismo mágico

As histórias de realismo mágico acontecem no mundo real, com elementos mágicos que os personagens reconhecem como lugar-comum. Esses elementos fantásticos não existiriam na vida real, mas são inteiramente normais no reino do realismo mágico.

Distópico

O gênero distópico ou ficção apocalíptica apresenta uma história ambientada em um futuro hipotético, em uma sociedade que está pior do que aquela em que estamos agora. Apresenta ficção realista e algo que o público pode imaginar acontecendo se algo em nosso atual estado de coisas não mudar.

Em resumo, leia e escreva muito! Você aprenderá bastante lendo outros gêneros além dos seus favoritos e, depois de conhecer as regras do gênero, poderá contorná-las. Não se limite a apenas um tipo de história. Só porque não colocamos um nome nela, não significa que sua forma de contar histórias esteja errada. Vamos ampliar nossos horizontes! Experimente novos estilos e técnicas.

Surpreenda-me,

Você também pode se interessar por…

O que as histórias infantis podem ensinar aos roteiristas sobre storytelling

O que as histórias infantis podem ensinar aos roteiristas sobre storytelling

Livros infantis, programas de televisão e filmes são nossas primeiras introduções ao storytelling. Essas histórias iniciais ajudam a definir como entendemos e interagimos com o mundo. O valor delas não é perdido depois que envelhecemos; pelo contrário, as histórias infantis podem ajudar a nos ensinar uma coisa ou outra sobre criação de roteiros! Mais simples costuma ser melhor. As histórias infantis nos ensinam a pegar uma ideia e destilá-la até o cerne de si mesma. Não estou dizendo para você "emburrecer" algo, mas estou falando sobre expressar uma ideia da maneira mais...

usar as regras de storytelling da Pixar em seu roteiro

Como usar as regras de storytelling da Pixar em seu roteiro

A Pixar é sinônimo de filmes interessantes com personagens complexos e histórias que vão atingir você diretamente nos sentimentos. Como eles conseguem produzir filme de sucesso após filme de sucesso? Em 2011, a ex-artista de storyboard da Pixar Emma Coats tweetou um conjunto de regras de storytelling que ela aprendeu enquanto trabalhava na Pixar. Essas regras se tornaram conhecidas como as “22 Regras de Storytelling da Pixar”. Hoje, vou compartilhar essas regras com vocês e detalhar como faço uso delas ao criar roteiros. #1: Você admira um personagem mais por tentar...
Jonathan Maberry, Jeanne Bowerman, and Doug Richardson over a graphic that says "Why Write Stories"

Por que escrever histórias? Estes 3 profissionais nos dão vida com suas respostas

De alguma forma, reunimos um painel de profissionais criativos durante uma sessão de entrevista no ano passado, e acabamos de descobrir um excelente debate entre eles sobre o tema das histórias; especificamente, por que escrevemos histórias. Leia as frases inspiradoras sobre escrita na entrevista abaixo ou leve cinco minutos para assistir à entrevista em vídeo para se inspirar. O debate conta com alguns dos nossos escritores favoritos de várias origens. Jonathan Maberry é autor de suspense best-seller do New York Times, escritor de quadrinhos, dramaturgo e professor...