Blog de Criação de Roteiros
Publicado em por Victoria Lucia

Como escrever um personagem vilão

escrever um personagem vilão

Thanos, Darth Vader, Hans Gruber – todos os três são vilões memoráveis. Os vilões forçam um herói a enfrentar a situação. Sem um vilão, o herói estaria apenas saindo e passando seu dia normalmente. Os vilões conduzem o conflito. Eles fornecem um contraste para comparar e entender melhor o herói. Um personagem vilão forte pode melhorar um filme, enquanto um personagem fraco e esquecível pode prejudicá-lo. Você está se perguntando como escrever um personagem vilão em seu próximo roteiro, capaz de aprimorar sua história? Continue lendo para saber quais são os ingredientes-chave para um grande vilão.

Ei, roteirista! Quer ser um dos primeiros a experimentarem o Software de Roteiro SoCreate? sem precisar sair da página.

Lembre-se de que seu vilão também é uma pessoa

Para criar um vilão empolgante, você geralmente precisa investir tanto tempo entendendo e aprendendo sobre ele quanto fez com o herói. Ser um vilão não significa que você pode atribuir os motivos das ações do seu personagem àquela velha linha de raciocínio "porque ele é mau". Você precisa ir mais a fundo. Os vilões devem ter falhas e conflitos internos que os motivem. Deve haver uma necessidade interna para que eles cumpram seu objetivo, além da ideia de que anseiam por destruição, dinheiro, etc. Seu vilão tem certeza de suas ações? Ele se sente forçado a adotar seu comportamento? Esses são aspectos interessantes para se explorar que podem fazer um vilão parecer mais humano.

Dê ao seu vilão algo em que acreditar

Os vilões também têm um sistema de valores. Ou deveriam. Na vida real, todos acreditam nas coisas, e essas crenças motivam as ações das pessoas. Por que os vilões do filme deveriam ser diferentes? O que cria uma dinâmica empolgante entre o herói e o vilão é ver seus sistemas de valores em conflito um com o outro. O sistema de valores do vilão pode significar que ele acredita que suas ações vão tornar as coisas melhores, ou que talvez que encontrarão justiça para uma situação.

Nos filmes dos “Vingadores”, o vilão Thanos acredita que eliminar metade da população do universo é o melhor para a sobrevivência de todos os seres vivos, de acordo com um sistema de crenças que ele desenvolveu depois de ver seu planeta natal destruído pela superpopulação. Suas crenças se alinham com os protagonistas dos Vingadores, pois eles também visam salvar o universo, mas, como querem fazer de outra forma, é aí que reside a fonte do conflito.

Seu vilão precisa vencer... às vezes

Um vilão que é continuamente derrotado pelo herói e nunca vê nenhum de seus planos dar certo não é um vilão muito eficaz. O público precisa acreditar que seu vilão é uma ameaça, e, para que isso funcione, precisamos vê-lo obter sucesso às vezes, bem como ver o herói perder. No final, o herói pode prevalecer, mas chegar lá tem que parecer uma luta, e seu público deve sentir como se não soubesse quem vai vencer. Mesmo que seu herói vença, talvez ele tenha perdido em alguma outra área; talvez ele tenha sacrificado sua vida pessoal para deter o vilão; talvez o vilão seja um sinal de mudança dos tempos; talvez esse vilão tenha sido apenas o primeiro de muitos.

Lembre-se do ditado: “Seu herói é apenas tão bom quanto seu vilão”. Ele existe por um motivo. Um vilão convincente cria um herói atraente. Quando você estiver criando um vilão, ele deve ser mais do que apenas malvado ou maluco; ele precisa possuir motivos e crenças que apoiem suas ações. Ao escrever um herói ou vilão, concentre-se em criar aspectos para eles que pareçam reais e identificáveis. Boa escrita!

Você também pode se interessar por…

Desenvolva os personagens da sua história

com estas perguntas sobre desenvolvimento de personagens

Desenvolva os personagens da sua história com estas perguntas sobre desenvolvimento de personagens

Todos nós já tivemos a experiência de assistir a um filme ou programa de TV em que nos identificamos muito com um personagem. O personagem é semelhante à forma como você se vê ou gostaria de ser, e você se sente apaixonado pelo personagem. Ver o personagem superar seu desafio é o que prende você. Todos nós também já perdemos o interesse em algo porque os personagens eram simplesmente chatos e sem graça. Eles não pareciam pessoas reais. Então, como roteiristas, como podemos criar personagens que são os primeiros, e não os segundos exemplos? Criei uma lista de 20...
How to Develop Great Characters in Your Screenplay, with Writer Bryan Young

A Regra de 3 e outros truques de desenvolvimento de personagem para seu roteiro

Entre todos os guias para desenvolver personagens em seu roteiro, eu nunca tinha ouvido falar destes dois truques do roteirista Bryan Young. Bryan é um premiado contador de histórias, com filmes, podcasts, livros e publicações nos sites StarWars.com, Scyfy.com, HowStuffWorks.com e mais. Ele leu e escreveu muito em sua época, então, descobriu o que funciona para ele quando se trata de sua fórmula para contar histórias. Experimente seus truques de desenvolvimento de personagem para ver como funcionam para você! A Regra de Três existe em muitos lugares, não apenas no...

escrever personagens dos quais as pessoas não se cansam em seu roteiro

Como escrever personagens dos quais as pessoas não se cansam em seu roteiro

Há muitos aspectos diferentes em um roteiro de sucesso: a história, o diálogo, o contexto. O elemento que considero mais importante, e com o qual conduzo o roteiro, é o personagem. Para mim, a maioria das ideias da minha história começa com um personagem principal distinto com o qual me identifico. Aqui estão algumas dicas para escrever personagens que seu público certamente irá adorar! Conheça os personagens do seu roteiro desde o início. Grande parte da minha pré-escrita consiste em escrever esboços para meus personagens. Esses esboços incluem tudo o que...