Blog de Criação de Roteiros
Publicado em por Courtney Meznarich

Ashlee Stormo: um dia na vida de uma aspirante a roteirista

Olá, roteiristas! Ashlee Stormo é uma aspirante a roteirista que está documentando sua vida cotidiana para compartilhar com todos vocês. Talvez você possa aprender com ela ou fazer uma nova conexão! De qualquer forma, esperamos que obtenha insights a partir das séries semanais dela nos próximos meses. Você pode se conectar com ela no Instagram ou Twitter em @AshleeStormo, bem como acompanhar a série completa através do canal do YouTube "Day in the Life of An Aspiring Screenwriter".

"Hoje, quero mostrar a vocês como alterno dois empregos enquanto ainda consigo arrumar tempo para escrever. Também comento como a COVID-19 impactou minha escrita e compartilho tudo aquilo que estou fazendo em relação à criação de roteiros, apesar da mudança drástica no meu cronograma. Adoraria saber sua opinião! Em quais roteiros você está trabalhando atualmente? Como lida com projetos criativos enquanto trabalha em um emprego diário? Conte para mim nos comentários ou conecte-se comigo no Twitter ou Instagram."

Ashlee Stormo

"Olá, roteiristas! Meu nome é Ashlee Stormo. Tenho 24 anos. Moro perto de Seattle e, enquanto faço malabarismos como babá e trabalho para os negócios da minha família, também sou aspirante a roteirista. E hoje, fiz uma parceria com a SoCreate para mostrar os detalhes de como é ser uma aspirante a roteirista em minha vida. E vou mostrar como faço malabarismo como babá e trabalho durante o dia enquanto arrumo tempo para escrever.

Desde que o Coronavírus surgiu, meu dia a dia ficou extremamente diferente. Então, mostrarei a você como era um dia na minha vida antes do Coronavírus – meu normal – e depois mostrarei como é um dia na minha vida atualmente, e como escrevo em meio a tudo isso.

Portanto, normalmente meu dia pré-COVID 19 começa às 3:45 da manhã. Trabalho como babá antes da hora da escola. Tenho que estar na casa da família às 5:15 da manhã. Então, das 5:15 da manhã às 8 da manhã, quando a criança acorda, eu escrevo. Sei que posso escrever cerca de 14 páginas por hora, então defino como meta cerca de 35 páginas, mais ou menos, durante a manhã. A única razão pela qual consigo escrever 14 páginas por hora é porque meus esboços são a maior parte do trabalho de um rascunho inicial. Eles são extremamente detalhados com várias etapas, e isso facilita a redação do meu primeiro rascunho. Gravarei um vídeo com a SoCreate sobre como esboçar meus roteiros. Portanto, fique atento ao vídeo.

Depois, preparo o garoto, levo-o para a escola e, às 9:15, estou de volta no carro e a caminho do meu segundo emprego. Trabalho para o meu pai, que fabrica móveis, e esse é outro trabalho que me permite fazer minhas próprias coisas. Portanto, quando não há clientes na loja e quando já terminei o trabalho no computador, tenho algumas horas para mim e escolho passar essas poucas horas escrevendo ou editando.

Então, estou no trabalho número dois, e o que fiz até agora é o meu trabalho de fato – portanto, fiz alguns anúncios, e-mails, mídias sociais. Tenho muita sorte de trabalhar para minha família, porque agora que fiz isso, faço uma pausa e trabalho em algumas das minhas coisas por um tempo. E, então, depois do almoço, volto a trabalhar em mais algumas coisas para ele. Se houver uma maneira de encontrar um emprego em que haja um tempo de pausa no qual você possa fazer o que quer, eu recomendo. Escrevo muito quando estou atuando de babá, e depois faço muitas coisas quando estou aqui.

Meu dia a dia habitual seria algo como responder a e-mails, publicar alguns anúncios, encontrar-me com clientes e, então, tenho cerca de duas horas para escrever ou editar. Estou com um prazo apertado agora. Está chegando um concurso. Por isso, hoje, devo ler 20 páginas do meu roteiro com anotações. Agora vou entrar e detalhar especificamente o que preciso fazer com essas anotações.

Muito bem, então, estou editando há cerca de uma hora. Eu já editei esse roteiro antes, mas li cerca de 30 roteiros desde então, e aprendi várias dicas e truques de formatação e outras coisas que notei que quero corrigir no meu roteiro antes de enviá-lo para um concurso.

Certo, aqui está a primeira página. Eu coloquei um monte de espaços entre as descrições, e isso não é necessário. Vou mudar a maneira como estou fazendo meus cabeçalhos de cenas. Já vi algumas pessoas, quando há saltos temporais, fazê-los de uma maneira que é mais fácil de ler. O jeito pelo qual eu faço isso não está errado, mas não é fácil de ler. Apenas mostra muito mais e conta muito menos ao longo dos diálogos.

Quando estou trabalhando no computador com algo que não tem relação com roteiros, tento colocar meus fones de ouvido e ouvir algum tipo de mídia relacionada a roteiros. Pode ser sobre estrutura de história, pode ser sobre networking, o que quer que seja, para tentar maximizar um pouco do excesso de tempo que tenho. Então, depois do trabalho, vou para a academia e, durante meu desaquecimento, ouço mais alguma coisa relacionada à indústria. Eu já vi repetidas vezes que a dica número um para roteiristas é apenas escrever. E que, se você conseguir que um gerente em potencial apenas leia um roteiro no qual você acabou de derramar seu coração e alma, e se ele gostar, pedirá para ver quais outros roteiros você tem disponíveis, e o que mais eles podem olhar. Pois ele vai querer investir em um roteirista com uma carreira em potencial que poderia ajudar a florescer, em vez de apenas algum sucesso individual. Então, por causa disso, meu objetivo número um é garantir que eu escreva. Certificar-me de que tenho vários roteiros na manga. E, novamente, faço isso apenas me forçando a escrever diariamente. Eu me forço a atingir essa cota e a investir meu tempo parado me instruindo, apenas tentando maximizar o máximo possível do meu tempo.

Desde o surto de coronavírus, meu dia a dia é muito diferente. Meus roteiros foram afetados por isso, mas ainda vou mostrar como é meu dia a dia. Eu ainda sou babá porque a família para a qual trabalho atua com serviços essenciais, então, eles ainda precisam de cuidados infantis. Mas, em vez de trabalhar por quatro horas pela manhã, agora cuido da criança por oito horas ao longo do dia, e isso realmente afeta meu tempo para escrever, porque o horário dele é diferente. Então, agora só tenho cerca de uma hora para escrever, e isso me fez realmente valorizar meu trabalho no período anterior à escola. Isso colocou tudo em perspectiva.

Meu pai fechou sua loja para que pudéssemos praticar um distanciamento social seguro. Então, eu meio que trabalho, meio que não trabalho. Em alguns dias, saio para aplainar uma laje – novamente, não quero soar repetitiva, mas tento maximizar meu tempo livre ouvindo um podcast. Eu ouvi 11 podcasts sobre criação de roteiros outro dia. Aprendi muito. E, então, o que tento fazer quando entro, para não esquecer tudo, faço algumas anotações no meu pequeno bloco de notas no meu celular sobre as coisas que realmente se destacaram durante os podcasts das quais acredito que eu poderia me beneficiar. E dessa forma continuo aprendendo, mesmo fazendo algo completamente não relacionado ao que gostaria de fazer na vida.

Mesmo tendo muito mais tempo em casa, é muito mais difícil me motivar a escrever quando estou aqui no sofá todos os dias. Felizmente, tenho um prazo para o concurso que estou visando. Então, o que fiz foi pegar meu planejador e planejar quantas páginas quero escrever na semana. Acho que definir algo diariamente é muito difícil agora, porque posso me distrair com uma entrevista coletiva que acabou de aparecer e que é importante para eu ver, ou posso acabar saindo para aplainar lajes naquele dia. Então, em vez de definir uma meta diária, tenho um número semanal definido como meta.

Portanto, o melhor conselho que funcionou para mim é estabelecer um prazo para você. Encontre um concurso no qual você realmente queira se inscrever. Crie um grupo de escrita online no qual todos se responsabilizem por determinadas metas de número de páginas. Faça o que for melhor para você. E se você não quiser escrever neste momento, tudo bem. Talvez você possa – toda vez que assistir a um programa, já que temos tempo de sobra para assistir a programas ou filmes – no final, acessar um app de anotações no celular e escrever apenas uma frase sobre o que mais se destacou no roteiro do filme. E talvez você possa se instruir e se educar dessa maneira.

Talvez você apenas faça uma pausa na escrita e não escreva nada neste período maluco para poder voltar com força total quando estiver disposto a fazê-lo – o que funcionar melhor para você. O que você precisar fazer para se cuidar.

Muito bem, roteiristas. É assim que é meu dia a dia. Sou uma novata completa e gostaria de conhecer suas dicas sobre como vocês conseguem conciliar seu trabalho com seus sonhos. Eu também adoraria saber se vocês estão escrevendo durante este lockdown, e em quais projetos estão trabalhando. Realmente quero saber. Quero me conectar com o maior número possível de pessoas.

Certifique-se de que você esteja . Vou trabalhar com eles em novos vídeos. E sei que falei sobre vários recursos hoje. [A SoCreate] possui muitos recursos realmente valiosos através de seus canais sociais. Portanto, confira-os. Espero que todos tenham um ótimo dia, e estou muito animada para me conectar com todos vocês."

Ashlee Stormo, aspirante a roteirista

Você também pode se interessar por…

SoCreate's “So, Write Your Bills Away” Sweepstakes winner 28-year-old Zachary Rowell

Let’s Hear it for Zachary Rowell, SoCreate’s “So, Write Your Bills Away” Sweepstakes Winner

From nearly 5,000 entries, we are proud to introduce you to 28-year-old Zachary Rowell, SoCreate’s “So, Write Your Bills Away” Sweepstakes winner! Over the next three months (October 2019-December 2019), we’ll pay Zachary’s bills so he can focus on writing a feature-length screenplay, instead of focusing on finances. The best part is that you get to follow along as he does it! Zachary made the risky choice to move to California two years ago from his small hometown in Texas to pursue his screenwriting dreams. He makes ends meet through freelance writing projects and Postmates and DoorDash...
Vlog #1: SoCreate 90-Day Screenplay Challenge with Zachary Rowell

90 dias a partir de agora! Acompanhe enquanto Zachary Rowell escreve um roteiro de longa-metragem até 31 de dezembro de 2019

Se você tem acompanhado, sabe que Zachary Rowell, 28, de Los Angeles, ganhou o concurso da SoCreate "So, Write Your Bills Away" há cerca de um mês. Como vencedor, pagaremos a ele um valor suficiente para quitar suas contas pelos próximos três meses, se ele concluir uma série de "check-ins" para comprovar que está usando seu tempo para escrever um roteiro de longa-metragem. Ele tem 90 dias para levar o projeto do início ao fim. E a melhor parte? Ele vai compartilhar toda essa experiência com você! Criamos esse concurso porque sabemos que, para muitos de vocês, tempo é um ...
Vlog #2: SoCreate 90-Day Screenplay Challenge with Zachary Rowell

Week 1 of Zachary Rowell’s 90-Day Screenplay Challenge: Character Descriptions, Comedy vs. Drama, and Title Suggestions

Zachary Rowell is now a full week into his 90-Day Screenplay Challenge as the winner of SoCreate’s “So Write Your Bills Away” Sweepstakes. We’ve promised to pay his bills through December if he promises to write! And guess what? He’s ahead of schedule. Zachary needs to finish a minimum of 30 pages per month as part of the challenge. In week one, he’s completed 20 pages already. But, now comes the tough part. Watch Zachary’s weekly vlog below to learn more about what he thinks he’ll struggle with over the next couple of weeks, why writing funny dialogue doesn’t always have to be funny, and...

Comentários