Blog de Criação de Roteiros
Publicado em por Courtney Meznarich

Como criar novas ideias para seu roteiro, com o veterano escritor de TV Ross Brown

O veterano roteirista e produtor de TV Ross Brown trabalhou em algumas das comédias mais adoradas dos anos 80 e 90 nos Estados Unidos, incluindo “Step by Step”, “The Facts of Life”, “Who’s the Boss” e “The Cosby Show”. Portanto, ele precisava criar novas ideias para seus enredos praticamente todo dia. Queríamos saber: como os profissionais criativos em tempo integral fazem isso? A resposta dele me surpreendeu e, considerando a frequência com que ele escreve, você não deve ter nenhum problema em usar essa técnica para reunir ideias próprias suficientes para começar seu próximo roteiro.

“Minha maior técnica para novas ideias é quando sinto algo emocional em minha vida”, Brown nos disse quando perguntamos como ele cria histórias para seus roteiros. “Ou estou observando a vida de outra pessoa e sou movido por algo que está acontecendo nela, ou sinto algo na minha própria vida.”

Eu esperava que Brown dissesse algo diferente, como afirmar que observa as pessoas, lê muitos livros ou verifica os jornais, ou um punhado de outras dicas que sempre ouvi por aí. Porém, reconhecer um sentimento ou emoção como o início de uma ótima ideia para uma história é inteligente por alguns motivos. O primeiro é que estamos sempre tentando fazer nosso público sentir algo e transmitir nosso ponto de vista ao acessar as emoções dele – então, se sentimos isso na vida real, temos uma melhor compreensão do que desencadeou essa emoção. A segunda é que sentimos coisas o dia todo, todos os dias, então, não há falta de material: decepção, tédio, empolgação, irritação e pura alegria são todas emoções que seus personagens também podem sentir.

“Pode ser algo constrangedor. Pode ser eu me sentindo como um idiota, ou algo assim. Mas quando sinto algo forte emocionalmente, minha antena sobe e penso: 'Há uma história aqui em algum lugar', porque as emoções são o cerne da maioria das histórias.”
Ross Brown
Roteirista e produtor

Como você está se sentindo hoje, neste momento? Comece por aí.

Pode ser algo constrangedor. Pode ser eu me sentindo como um idiota, ou algo assim”, Brown prosseguiu. “Mas quando sinto algo forte emocionalmente, minha antena sobe e penso: 'Há uma história aqui em algum lugar', porque as emoções são o cerne da maioria das histórias.”

Eu conheço um artista de quadrinhos de jornal que precisa criar piadas todos os dias. Você consegue imaginar acordar como pé esquerdo e não ter nada de engraçado para dizer? No entanto, todos os dias, ele entrega seus deveres.

Seu truque é que ele incorporou a criatividade em seus hábitos diários, para que sempre tenha inspiração para explorar.

Transforme em hábito prestar atenção em suas emoções e aproveitá-las para criar ideias de histórias.

Vamos fazer este exercício para criar uma história rápida.

  1. Cite uma emoção que você sentiu hoje.

  2. Descreva os eventos que levaram a essa emoção.

  3. Quem ou o que estava envolvido neste cenário?

  4. Qual é o sentimento oposto dessa emoção?

  5. Quando foi a última vez que você sentiu esse sentimento oposto?

  6. Usando essas cargas opostas, escreva uma cena que nos leve de uma emoção para a próxima.

Aqui está a minha.

  1. Irritação e dor física.

  2. Minha cachorra me acordou com um arranhão e com uma baba no meu rosto.

  3. Minha cachorra e meu namorado.

  4. Paz.

  5. Durante nossa caminhada diária até o oceano.

Trecho de roteiro - como usar a emoção para gerar novas ideias

INT. QUARTO, MANHÃ

Escuridão.

Courtney

Ai! Caramba! Qual é, Dominó.

O NAMORADO de Courtney acende as luzes. DOMINÓ, uma enorme cachorra da raça dogue alemão de cor arlequim passa por cima de Courtney, com sua papada e baba penduradas. Courtney se encolhe e geme de dor sob as cobertas.

NAMORADO

Bom dia, amores. Quer café?

CUT TO

INT. COZINHA, MANHÃ COM NEBLINA

O NAMORADO, uma pessoa matinal, surge da cozinha antiquada, com duas CANECAS de café fumegante nas mãos. Courtney se senta à mesa, removendo agressivamente o pelo branco de cachorro de seu pijama.

NAMORADO

Um café Keurig com leite de caju.

COURTNEY

Obrigada.

O namorado se senta à mesa ao lado de Courtney e olha para a vista do mar. Os olhos de Courtney se arregalam e as sobrancelhas se erguem ao ouvir um som de plástico sendo amassado na sala de estar. Ela salta da cadeira.

COURTNEY

DOMINÓ! O que você está –

Dominó vira a esquina para um canto, com um novo brinquedo de plástico esmagado entre seus dentes. Suas papadas estão inchadas de cada lado, assim como o personagem Deputy Dawg.

COURTNEY

Ah, graças a Deus, é apenas o seu brinquedo.

NAMORADO

Que vista, hein? Estou ansioso para uma boa caminhada noturna com vocês duas mais tarde.

Courtney se senta novamente. Dominó cutuca sua perna, reaplicando pelo branco de cachorro em seu pijama. Dominó ergue os olhos, com olhar de cachorrinho, e dá um grande beijo babado no rosto de Courtney, que consegue alcançar sem esforço.

COURTNEY

Certo, também te amo, bebê. Sim, uma caminhada parece bacana.

Courtney respira fundo e de forma audível, toma um gole de café e olha para o oceano, com o rosto relaxado.

COURTNEY

Uau, estamos bem, não é mesmo?

FIM DA CENA.

Muito bem, não há muito acontecendo nessa cena. Mas usei a emoção para inserir algo, qualquer coisa, na página em menos de cinco minutos. Se eu posso fazer isso, você pode fazer melhor 😊. E, a partir daí, posso seguir para qualquer direção com essa história. Talvez ela se torne uma história sobre minha cachorra, Dominó. Talvez um incidente incitante ocorra durante nossa caminhada pela praia mais tarde. E talvez todo o roteiro seja uma mensagem sobre gratidão. Novamente, acabei de inventar isso. Experimente!

Pronto para praticar? Vamos falar sobre nossos sentimentos,

Você também pode se interessar por…

Screenwriter Bryan Young Tells Screenwriters How to Stay Inspired

Por que é importante se manter inspirado, mesmo quando você não estiver vendendo nenhum roteiro

É DIFÍCIL seguir em frente quando somos derrubados. Você pode ler o maior número possível de frases inspiradoras, mas nunca é tão fácil se levantar novamente. É por isso que adorei esse conselho do escritor, podcaster e cineasta Bryan Young. Ele está sempre presente nos sites StarWars.com, Syfy e HowStuffWorks.com. Seu conselho é "menos coração e mais cabeça". Esse é um conselho que você pode levar consigo como um lembrete de que nem sempre se trata de "se", mas de "quando". “Mesmo que você não tenha vendido um roteiro, precisa se manter inspirado, porque o fato...
How to Become a Disciplined Screenwriter, According to Writer & Journalist Bryan Young

Como se tornar um roteirista disciplinado, de acordo com o escritor e jornalista Bryan Young

Alguns profissionais criativos têm problemas com disciplina. Preferimos deixar que as ideias fluam até nós organicamente e que funcionem quando nos sentimos inspirados. Se você se identifica com isso, vai querer ouvir estas dicas inspiradoras do roteirista e jornalista Bryan Young (SyFy.com, HowStuffWorks.com, StarWars.com). Ele nos conta como mantém o foco na escrita e revela uma estatística impressionante quando se trata da promessa de escrita que cumpre há vários anos. "Minha disciplina de escrita, pessoalmente, vem do fato de eu escrever todos os...
20

frases inspiradorassobre criaçãode roteiros

20 frases inspiradoras sobre criação de roteiros

Precisando de um pouco de inspiração? Confira 20 das nossas frases favoritas sobre criação de roteiros! "Acredito que os novos escritores ficam muito preocupados porque tudo já foi dito antes. É verdade, mas não por você." - Asha Dornfest. "Para fazer um grande filme, é preciso três coisas - o roteiro, o roteiro e o roteiro." - Alfred Hitchcock. "Certifique-se de que seu roteiro esteja completo. Se algo não estiver na página, ele jamais aparecerá magicamente na tela." - Richard E. Grant. "Uma cultura não pode evoluir sem histórias. Quando uma cultura experimenta pseudo-histórias ...

Comentários